20090218

Às Aranhas


“Golo, goolo, gooolo, gooooolo…” – é a melodia que me quer saltar das mãos.
As pessoas olham e eu atendo, sentindo-me estúpida.
- Estou?...
Não consigo evitar a voz rouca.
- Olá, amor! Pareces o lobo mau! – Ouço do outro lado.
Atrapalho-me.
- Eu não… quero dizer, não…
- Pois claro que não! Estava a brincar, mas é que não pareces tu!
- Não…
Quis dizer o que se passava, mas não deixou. Continuou a falar, muito segura de si.
- Não vais acreditar! Hoje vamos desenhar modelos nus… já viste bem? – Diz num riso miudinho, nervoso.
- Não!... – Elevo a voz e sinto, cravados em mim, olhares que me comem as palavras.
- É o que te digo! Eu sabia que não ias acreditar…
- Estou sem tempo… – digo num passo apressado – posso falar?
- Mas… tu não és o Paulo!
- Claro que não, se me tivesse deixado falar teria percebido que sou mulher.
- Bolas! Eu não posso acreditar que o Paulo me anda a trair por aí com outra qualquer…
- Não é assim…
Sinto-me incomodada com esta conversa e com as pessoas que passam por mim afogueadas. Sou uma aranha, no meio de um emaranhado de fios mal urdidos e que tenho de endireitar.
- Espere. Vou contar o que aconteceu.
- Estou à espera.
- O telemóvel não é meu.
- Olha a novidade! Isso, já a gente percebeu…
Levo um encontrão.
Isto é de loucos! Quem raio me mandou, numa rua movimentada em hora de ponta, pegar num telemóvel abandonado no chão?
(M. Fa. R. - 13.02.2009)

13 comentários:

Paula Raposo disse...

E assim começa a confusão...eh eh eh adorei ler-te!! Beijinhos.

Osvaldo disse...

Caramba FA;
Mas que raio de confusão!!!!...
Espero que não tenha dado em divórcio, pô...
Bom, na próxima deixa o telémovel no chão...
Um abraço

Peregrina disse...

Ui, coitada da rapariga :p

Jorge Freitas Soares disse...

Olá

Já não se pode ser um bom samaritano :-)

Gostei.
Jorge

Je Vois la Vie en Vert disse...

Que grande embrulhada !

Não te lembraste de ver no ICE (in case of Emergency), é neste sítio que devemos colocar um número para contactar em caso de acidente ou de ... perda de telemóvel.

Por acaso, já encontrei um telemóvel e como não tinha ICE, liguei para "Pai" e a pessoa que tinha perdido o telemóvel ficou feliz por ter recuperado o seu bem !

Beijinhos verdinhos

Ferreira-Pinto disse...

Mas que grande embrulhada!

*Lisa_B* disse...

Gostei da ideia...e o texto surgiu muito engraçado.
A aranha essa é que me grrr assusta.
De resto tudo que crias com a mente, coração e as mãos é de ouro. Precioso. Mereces um prémio já o disse.
Para já fica apenas uns beijinhos meus.

Fenix disse...

Amiga Fa!

Vim para te dizer que tens um prémio à tua espera aqui.

Beijinhos

PS: Depois volto, para ler e comentar.

Mariz disse...

Salvé Querida!

As aranhas - embora não simpatize muito com esses bicharocos - elas dão-nos uma lição de paciência e como num ápice se desemaranha tudo!
quanto a esta polémica...que texto engraçado...verdade? ou ficção?
Nunca se sabe!

Abraço meu
Sempre..
Mariz

joaquim disse...

Bem Fa, enquanto não existirem telefones acessiveis com imagem, isso vai acontecer algumas vezes...eheheh

Um dia estive a falar com uma pessoa ao telefone que me chamava joaquim e eu chamava pelo seu nome e só passado um bocado de tempo é que percebemos que eu não era o joaquim que ela pensava e ela não era a Luisa que eu pensava...

Abraço amigo

legivel disse...

... sem tempo para escutar, dificilmente ouvimos o que os outros têm para nos dizer...

beijos.

Mariz disse...

Querida Fa

Embora já tivesse comentado, vim novamente informar - porque penso que te esqueceste no que escrevi no outro blog - a sala dos espectáculos "blog ÓSCARES", está tem nopalco os projectores ligados, a música de abertura já se ouve também, faltas tu e mais alguns galardoados que foram convidados a estarem presente e a procurarem os seus nomes nos respectivos "ÓSCARES".

Deixo-te um abraço de mimo
Sempre...
Mariz

Fa menor disse...

Amigos,

Obrigada a todos!