20110418

Como Escrever Ternura?

.


Quero escrever ternura, sempre ternura. Em suaves afagos de algodão. Na meiguice de um olhar límpido ou turvado de sal. No sorriso alegre, ou naquele que transparece de um nó na garganta que sobe do coração. Na manhã de orvalho, na tarde amena e calma, ou na noite ventosa e sem luar. Na paz e tranquilidade do lar, ou nas ruas de amargura. Na fofura de um sapatinho de criança, ou na boina encardida de um velhinho.

A ternura é um anjinho que te vela o sono; é o teu abandono em braços protectores; são os cobertores que te aconchegam no frio; é o rio de água doce que te escorre no corpo. É um doce, às vezes amargo. É um trago de frescura, de candura. Ternura é essa vontade de mimar… de se derreter em bolas de sabão… é escrever amor, e muitas vezes dor, no íntimo do coração.

O que é a ternura e o que é que se faz com ela?

( Um Desafio da Fábrica de Letras )


Com ternura, os meus votos de Felizes Festas Pascais!

16 comentários:

AC disse...

A ternura é e será sempre uma dádiva, um verdadeiro bálsamo para quem a dá e a recebe.
Aliás, deixe que lhe diga, o seu texto é autêntica ternura...

Beijo :)

Briseis disse...

Gostei muito da tua definição... =)

mfc disse...

Perguntas o que é a ternura?! É fazermos os outros sorrirem encantados... tal como fiquei depois deste post tão terno.

Mar Arável disse...

... é olhar um pássaro nos olhos

e voar com ele

Olinda Melo disse...

Querida Fa

A ternura é tudo aquilo que o texto nos transmite, com tanta sensibilidade. São palavras em que me revejo e que me tocam o coração.

Feliz Páscoa.

Beijo
Olinda

tulipa disse...

Olá, amiga, como estás?

Bela a profundidade com que escreves esta prosa!
Ui...a ternura é algo de belo e intenso, muitas vezes sem explicação...

Nos meus 2 blogues fiz festa de aniversário e convidei todos os amigos para estarem comigo, ao menos, nesse dia...
Gostaria que tivesses ido ver as festas que organizei nos blogues.
Ainda estás a tempo!

Mas os dias voam e já estamos na Páscoa, por isso, hoje passei simplesmente para desejar BOA PÁSCOA!

Bjs

Eduardina disse...

Tocou-me a sensibilidade que se liberta do seu texto!
Parabéns!

Vieira Calado disse...

Olá, boa noite!

Venho também desejar

Boa Páscoa para si!

´Bjjs

Nilson Barcelli disse...


"Ternura é essa vontade de mimar… de se derreter em bolas de sabão… é escrever amor, e muitas vezes dor, no íntimo do coração."

Já disseste tudo neste magnífico texto. Parabéns pelo talento que revelas nas tuas palavras. Gostei muito.
Beijos.

Vieira Calado disse...

Sabe...
eu também não comemorei.

Fiquei em casa!

Saudações democráticas!

soninha disse...

Este é um texto que nos acaricia dos pés à cabeça...até a alma!Amei!!bjs

DE MÃOS DADAS disse...

Não compreendo porque razão os comentários que coloco aqui se vão assim descaradamente não sei para onde sabem dizer-me?
Bem ternura é mesmo isso uma seiva que corre dum Amor sem medida
O texto é lindo.
Aproveito para desejar uma continuação de boas Festas Pascais
Beijinhos da utilia

Ailime disse...

Amiga Fá,
Muito belo este texto e o seu conceito de ternura.
Gosto muito de lê-la.
Bem-haja pela pessoa especial que é.
Um beijinho, com a minha ternura:))
Ailime

Isabel Maria Rosa Furtado Cabral Gomes da Costa disse...

Lindo! É assim mesmo que se escreve TERNURA!
Um beijo.

© Piedade Araújo Sol disse...

ternura é isso tudo, e mais que escrever, é sentir, sentir e sentir.

belo texto.

bom domingo!

Anónimo disse...

Muito interessante o post!